hit tracker Top Five TV

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

A lista dos APPS para celulares Android desta semana começa com notícias para quem quer usar seu smartphone como editor de vídeo, curtir estilos musicais diferentes ou evitar chamar-se de seus bolsos. 


Mais uma vez, criamos uma lista de jogos recomendados para a diversão desta semana.


Adobe Premiere Rush App

A Adobe é uma das principais empresas de desenvolvimento de programas voltados para criatividade, desde edição de imagens, até tratamento de som. O problema é que seus programas geralmente são caros e pesados.

A ideia do Premiere Rush é trazer para plataformas mobile a experiência de usuários do Premiere, programa da empresa para edição de vídeos. O Rush traz algumas ferramentas como corte de vídeos, transição entre eles e permite até algumas edições mais pesadas como artes na tela.


Spotify Stations

Este é um teste do Spotify em que a empresa está buscando novas formas de mostrar conteúdos aos usuários. O app oferece uma série de rádios, com variados estilos e o usuário pode escolher ouvir músicas dentro daquele estilo.

A ideia não é bem inovadora, sendo que outras plataformas como o SoundCloud e outras de música já oferecem algo neste estilo. Até mesmo o Spotify já conta com playlist temáticas. Contudo, a ideia aqui é ter sempre músicas diferentes como se fosse mais uma rádio do que exatamente uma playlist pré-determinada.

O app é gratuito e funciona, desde 9 de julho, em aparelhos Android 4.1 ou acima.

Pocket Mode App

Sabe quando você coloca seu smartphone no bolso e ele começa toda uma conversa com seus contatos no WhatsApp sozinho, ou liga por engano? O Pocket Mode é um programa que evita exatamente isso.

Ele funciona de uma forma muito simples. O bolso só interage com smartphones que não estão travados, não é mesmo? Então, o problema está quando se esquece de bloquear o dispositivo antes de guardar.

O Pocket Mode consegue reconhecer que o smartphone está no bolso e trava automaticamente, evitando assim o contato com as laterais. Ele usa sensores de aproximação do seu aparelho e perceber quando é guardado, travando automaticamente. Ainda, ele permite um ajuste fino para que você consiga ter uma melhor experiência com os sensores e ele não ficar travando à toa por aí.

App Fugitive Desires

Este é um game para quem gosta de um bom romance otome. Trata-se de um estilo de romance muito comum em mangás e animes voltados para temas adolescentes. A ideia de Fugitive Desires é trazer todo este drama sobre a dificuldade do que é se tornar adulto para dentro de um jogo.

Aqui, é preciso escolher entre seus relacionamentos e viver uma série deles em uma narrativa inocente. O jogador será colocado em frente a aceitar convites para sair ou mesmo ter de dar aquele fora em um carinha par ficar com outro.

O app é bastante leve e funciona em aparelhos de entrada. Ele foi lançado em 2 de julho gratuitamente e requer Android 4.1 ou acima para funcionar.

HD Camera Professional APP

Se você comprou um smartphone mais potente, pode estar também atrás de um app que ajude a melhorar a qualidade de utilização dos sensores do seu dispositivo. Este é um aplicativo que permite mais controle de abertura, tempo, zoom e outras características que o sistema de câmera pode ter.

Outro ponto interessante é que ele permite salvar fotos em .RAW, um tipo de extensão muito usada por fotógrafos por ser menos comprimida. Ele também traz algumas outra funcionalidades como timelapse e criação de vídeos em fast motions.

O programa é pago, ao preço de R$ 5,49 e traz estas funcionalidades desde o dia 27 de junho. É preciso um aparelho com Android 4.1 ou acima para que ele funcione.



Senha do roteador App

Embora o nome deste app tenda a sugerir que ele serve para descobrir senhas de roteadores, a ideia aqui é ir mais além. Ele permite que você force algumas senhas-padrão em um aparelho, oferecendo uma lista das mais comuns.

Contudo, a melhor parte é que ele oferece um bom gerenciador de usuários conectados à sua rede. Inclusive emite notificações sempre que alguém novo entrar em um roteador e permite derrubar a conexão deste mesmo usuário.

O programa é gratuito e exige Android 4.0.3 ou acima para funcionar. Ele foi lançado em 7 de julho.

quarta-feira, 7 de agosto de 2019

O youtuber Felipe Neto, 31, revelou que está sendo processado pelo pastor Silas Malafaia, 60. Através de sua conta no Twitter, o influenciador disse nesta segunda-feira (5) que continuará expondo acusações de esquemas do pastor, motivo pelo qual Malafaia teria entrado com um processo criminal contra ele.

"Silas Malafaia está me processando criminalmente, buscando minha condenação à prisão, simplesmente por eu ter acabado com seu esquema de boicotes à empresas que apoiam causas LGBT. Meu vídeo continua no ar, minha luta contra o processo será até o fim", escreveu Felipe.

Neto disse ainda que o risco de prisão foi uma manobra para assustá-lo. "Ele apareceu na audiência de conciliação, pomposo, dizendo que era só eu deletar o vídeo e pedir desculpas publicamente que ele removeria o processo. Quando eu deixei claro que ele poderia me processar 800 vezes e eu jamais iria me permitir silenciar, e que não aceitava o acordo, ele ficou uma fera. Ele achava que estava lidando com menino do YouTube. Saiu de lá sabendo onde tinha se metido".

O influenciador disse que resolveu contar sobre o processo pois ficou sabendo que Malafaia entrou com pedido de recuperação judicial em sua empresa, após declarar que não consegue vender "nem 25% do que vendia em outros tempos".

Em junho, Malafaia publicou um vídeo para explicar que entrou com pedido de recuperação judicial para a editora Central Gospel. "A Editora Central Gospel vai continuar, você pode continuar comprando os produtos da Central Gospel. Eu só estou entrando com o pedido de recuperação judicial para reestruturar essa empresa, pagar as dívidas e continuar a nossa marca", diz em vídeo.

Depois de explicar o processo pelo Twitter, Neto ainda deixou uma mensagem sobre justiça: "A justiça humana pode falhar, amigos. Mas a justiça do caráter, essa muitas vezes resolve", disse. "Faça o bem e você provavelmente seguirá recebendo o bem. Faça o mal... e veja até quando durará seu sucesso."

Via: Yahoo Vida Estilo

quarta-feira, 24 de julho de 2019

Enquanto o Governo Federal não libera o saque de contas ativas do FGTS, o trabalhador que precisar do benefício deve estar em uma das situações permitidas. Confira!

Um anúncio feito recentemente por Paulo Guedes, ministro da Economia, afirma que o governo estuda liberar o saque do valor disponível nas contas ativas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Entretanto, a medida não possui data prevista para ser anunciada, fazendo com que o consumidor tenha que optar por outras opções para resgatar o valor disponível no Fundo de Garantia.

O meio mais conhecido para a permissão do saque do FGTS é por meio da demissão sem justa causa. Além de receber o valor depositado pela empresa durante seu tempo de serviço, o cidadão ainda recebe uma multa no valor de 40% sobre as parcelas que foram depositadas.

Porém a reforma trabalhista possibilitou um novo modo de resgate dessa quantia. É o caso de quando ocorre um acordo entre o empregado e a empresa, de modo a possibilitar a retirada de 80% da quantia disponível. Nesse caso, a multa sobre as parcelas é de 20%.

Além disso, o fim de um contrato de trabalho temporário também possibilita o saque do FGTS. É necessário comprovar o fim do vínculo por meio da carteira de trabalho e pelo termo de rescisão do contrato para todas as situações de demissão. É preciso também informar o número do PIS, Pasep ou NIT.

Um anúncio feito recentemente por Paulo Guedes, ministro da Economia, afirma que o governo estuda liberar o saque do valor disponível nas contas ativas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Entretanto, a medida não possui data prevista para ser anunciada, fazendo com que o consumidor tenha que optar por outras opções para resgatar o valor disponível no Fundo de Garantia.

O meio mais conhecido para a permissão do saque do FGTS é por meio da demissão sem justa causa. Além de receber o valor depositado pela empresa durante seu tempo de serviço, o cidadão ainda recebe uma multa no valor de 40% sobre as parcelas que foram depositadas.

Porém a reforma trabalhista possibilitou um novo modo de resgate dessa quantia. É o caso de quando ocorre um acordo entre o empregado e a empresa, de modo a possibilitar a retirada de 80% da quantia disponível. Nesse caso, a multa sobre as parcelas é de 20%.

Além disso, o fim de um contrato de trabalho temporário também possibilita o saque do FGTS. É necessário comprovar o fim do vínculo por meio da carteira de trabalho e pelo termo de rescisão do contrato para todas as situações de demissão. É preciso também informar o número do PIS, Pasep ou NIT.

Motivos para o Saque do FGTS
Demissão Sem Justa Causa
O valor disponível na conta do trabalhador é liberada quando a empresa o demite sem apresentação de justa causa, sendo a situação mais comum para o resgate do FGTS. Além disso, há uma multa de 40% a ser paga para o trabalhador sobre o valor acumulado durante o tempo de serviço.

É necessário a apresentação do Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho, além dos documentos básicos do trabalhador.

Aposentadoria
Assim que o cidadão se aposenta, é possível que ele realize o saque do Fundo de Garantia. Caso a decisão seja continuar trabalhando na mesma empresa mesmo após a aposentadoria, o trabalhador ainda receberá mensalmente o FGTS.

Para realizar o saque, é necessário apresentar a certidão de concessão de aposentadoria, emitida pelo INSS ou pelo Instituto de Previdência. No caso de militares, é preciso apresentar a Transferência para Reserva Remunerada.

Término do Contrato de Trabalho
Assim que o contrato de trabalho for finalizado, o trabalhador terá que apresentar o contrato com o prazo determinado. Além disso, é preciso apresentar o termo de prorrogação, caso tenha.

Desastre Natural
A situação de emergência ou calamidade pública deve ser decretada pelo Governo. Assim, a liberação ocorre devido a necessidade urgente e grave causada por chuvas ou inundações.

Desempregado há Três Anos
O saque é permitido caso o trabalhador esteja fora do mercado de trabalho por três anos ininterruptos.

Idade igual ou superior a 70 anos
A comprovação da idade será realizada por meio da apresentação do documento de identificação.

Compra da Casa Própria
O resgate do FGTS pode ser realizada para a finalidade de compra, liquidação ou amortização de uma dívida, ou pagamento de parcelas restantes de um financiamento habitacional. Dessa forma, o recurso pode ser utilizado pelo trabalhador que:

Não seja titular de outro financiamento ativo dentro do âmbito do Sistema Financeiro de Habitação;
Não possua outro imóvel residencial pronto ou em construção na região ou em cidades próximas de onde mora ou trabalha;
Tenha três anos de trabalho no regime do FGTS, seja na mesma empresa ou em empresas diferentes.
Falência
O saque é permitido caso a empresa na qual o funcionário trabalhe declare falência e feche suas portas. Nesse caso, o cidadão deverá apresentar um dos seguintes documentos para o esclarecimento da rescisão de contrato devido ao fim das atividades de onde trabalha:

Alteração contratual registrada no Cartório ou Junta Comercial;
Decisão judicial transitada em nome do síndico da empresa falida;
Declaração escrita pelo empregador confirmando a rescisão devido a falência;
Ato próprio da autoridade competente registrado no cartório ou na Junta Comercial, ou publicado em Diário Oficial.

Doenças Graves ou Terminais
O resgate do valor do fundo pode ocorrer caso o trabalhador ou seu dependente seja acometido por doenças graves ou terminais. Dessa forma, é necessário apresentar:

Comprovante de Dependência;
Atestado médico com nome da doença ou CID;
Atestado de óbito do dependente;
Laudo do exame laboratorial e relatório médico (em caso de câncer).
Como Sacar o FGTS
Caso o valor do saque seja igual ou inferior a R$ 3.000,00, é possível realizar a retirada com o cartão Cidadão e senha em um dos locais listados:

Caixa Eletrônico da Caixa;
Correspondentes Caixa Aqui;
Lotéricas;
Salas de autoatendimento.
Caixa Eletrônico
É possível realizar o saque de valores até R$ 1.500,00 por meio do caixa eletrônico sem o cartão do cidadão. Para isso, é preciso informar o número do PIS/Pasep/NIT/NIS e senha.

Agências da Caixa
O resgate do valor pode ser realizado em qualquer agência da Caixa distribuída no país, mesmo sem o Cartão do Cidadão. Caso a cidade não possua agência da Caixa, o saque pode ser realizado em um banco que possua convênio com a Caixa.

segunda-feira, 1 de julho de 2019

Governo estima que valor dos benefícios chegue a R$ 2,5 bilhões e impacte a vida de milhões de famílias brasileiras de baixa renda; Osmar Terra diz que fonte dos recursos será dividida entre Orçamento e pente-fino no programa


O programa Bolsa Família, que atende milhões de famílias brasileiras de baixa renda, terá uma 13ª parcela a partir de dezembro deste ano. Presente no plano de governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL), a medida foi confirmada nesta terça-feira (12) pelo ministro da Cidadania, Osmar Terra.


O custo estimado da adoção da medida é de R$ 2,5 bilhões em 2019, e o ministro da Cidadania diz que “Está tudo certo, estamos negociando com o ministro [da Economia] Paulo Guedes. Uma parte virá do Orçamento, que será revisto, e a outra parte, menor, virá do pente-fino [no programa Bolsa Família ] que a gente quer aprofundar”, afirmou Terra.


Instituído como Lei Federal N. 10.836 em 9 de janeiro de 2004 pelo governo Lula , o Bolsa Família unificou e ampliou outros programas de transferência de renda criados pelo governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Tecnicamente, o programa passou a ser entendido como mecanismo condicional de transferência de recursos, e serve como forma de o governo federal auxiliar famílias de baixa renda pelo País.



De acordo com a Caixa Econômica Federal, o objetivo é buscar garantir a essas famílias [em situação de pobreza e extrema pobreza] o direito à alimentação e o acesso à educação e saúde. Em todo o Brasil, mais de 13,9 milhões de famílias são atendidas pelo programa (números de maio de 2018, divulgados pelo extinto Ministério do Desenvolvimento Social).

Para participar do programa, a família precisa ser enquadrada em situação de pobreza ou pobreza extrema. As famílias extremamente pobres são aquelas cuja renda mensal é de até R$ 89,00 por pessoa e as famílias pobres são aquelas que têm renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178,00 por pessoa. No caso do segundo grupo, a participação do programa é garantida desde que tenham em sua composição gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos.

Para se candidatar ao programa, é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e tenha seus dados atualizados há menos de 2 anos. No caso de atender aos requisitos de renda e não estar inscrito, basta procurar o responsável pelo Programa Bolsa Família na prefeitura no município em que reside para se inscrever no Cadastro Único.

Outra exigência para que os pagamentos sejam feitos é a manutenção de dados sempre atualizados e com informações à prefeitura sobre qualquer mudança de endereço, telefone de contato e modificações na constituição de sua família, como nascimento, morte, casamento, separação, adoção, entre outros.

O cadastramento é um pré-requisito para a entrada, mas não garante inclusão imediata das famílias ao Programa, nem ao recebimento do benefício. Mensalmente, o Ministério da Cidadania transfere o valor do benefício às famílias aptas. Mais informações podem ser encontradas no site da Caixa Econômica Federal .

A 13ª parcela do programa Bolsa Família , que deverá ser instituída pelo governo Bolsonaro, seria inovadora. Os governos de Lula e Dilma (PT) e Michel Temer (MDB) garantiram benefícios mensais, ou seja, 12 vezes ao ano.

Fonte: Economia - iG

quarta-feira, 5 de junho de 2019

Modelo partiu para cima de Neymar dizendo que ele havia a agredido no dia anterior dentro do hotel. O vídeo que mostra a briga entre Neymar e a modelo Najila Trindade em um quarto do Sofitel, hotel localizado em Paris, capital da França, começou a circular pelas redes sociais na noite desta quarta-feira.
Veja a imagem que mostra a suposta agressão de Neymar, Vídeo mostra que Neymar foi agredido por mulher, Vazou o vídeo feito por Najila e nele Neymar Jr. aparece sendo agredido por ela, Vídeo mostra Neymar sendo agredido no hotel vaza no whatsapp, video neymar agressão







As imagens mostram Najila deitando sobre Neymar na cama da suíte e, logo em seguida, partindo para cima do jogador com tapas. O atleta tenta se defender usando as pernas.

É possível ouvir a moça dizendo a seguinte frase: "Sabe por que eu estou fazendo isso? Por que você me agrediu ontem. Você me deixou aqui sozinha".

Vídeo mostra Neymar e Najila discutindo em hotel de Paris, Confira abaixo o vídeo gravado pelo celular de Najila:


segunda-feira, 3 de junho de 2019

No último final de semana, o nome da mulher que acusou o jogador Neymar de estupro foi revelado, em rede nacional, pelo apresentador José Luiz Datena, da BAND, em meio a entrevista com o pai do acusado.


Trata-se de Najila Trindade Mendes de Souza (26 anos), até então ocultada pelo Boletim de Ocorrência da Polícia de São Paulo, informações do Blog do Paulinho.





Logo após, Neymar cometeu a bobagem de expor-se, e também à garota, publicando conversa íntima entre as partes.

Do conteúdo, extrai-se aparente intenção de “armação” da vítima sobre o jogador, mas é impossível dizer se o estupro, de fato, ocorreu ou não.

Certeza apenas é a de que Neymar, de maneira irresponsável, arrisca-se ainda a aventuras com desconhecidas, pagando as custas – sejam elas quais forem – de quem estiver a fim de conhecer qualidades ou defeitos que não carrega para as quatro linhas.

Sobre as críticas a Najila, mesmo se mal-intencionada, o que importa não é saber se tratava-se de uma “santa” – até porque do outro lado não havia inocente, mas sim se, na “hora h”, o relacionamento, que Neymar confirma ter existido, foi inteiramente, não apenas em parte, consensual ou se houve, em determinado momento, algum tipo de excesso.

Isso é caso de investigação criminal e, talvez, julgamento judicial.

No que está ao alcance do jornalismo, o Blog do Paulinho, se, de fato, Najila estivesse imbuída de aplicar um golpe em Neymar para tomar-lhe algum dinheiro, encontrou indícios que poderiam, talvez, estimulá-la a criar a operação.



Desde a última quinta-feira (30), a 6ª Vara Civil de Santo Amaro, em sentença assinada pelo juiz Luiz Raphael Nardy Lemcioni Valdez, condenou Najila, à revelia, a ser despejada do imóvel localizado à Rua Adolpho Pinheiro, no bairro de Santo Amaro, em São Paulo, por conta de alugueis atrasados (desde agosto de 2018).

Um dia antes dela decidir registrar o Boletim de Ocorrência contra Neymar.

O valor da condenação foi de R$ 26.712,00, acrescidos de multa de três meses de aluguel, além de custas processuais.

A ação, promovida por Marcus Viniccius Picconi e Verena Regina Fiori Ferreira, foi distribuída em 19 de março de 2019, período em que, provavelmente, jogador e acusadora já mantinham contato.



Um mês antes, Najila foi acionada, também por falta de pagamento, pela Escola Panamericana de Artes, por conta de pendência no valor de R$ 4.160,77.

O processo segue em trâmite porque oficiais de justiça ainda não conseguiram citá-la.

Antes destas datas, a garota não possuía débitos registrados nos órgãos de proteção.

É bem provável, diante dos fatos expostos, que Najila tenha encontrado em Neymar não apenas o desejo de relacionar-se com alguém mundialmente famoso, mas também a possibilidade de, financeiramente, tirar algum proveito da aproximação, o que, por razões evidentes, não justificaria qualquer tipo de violência cometida pelo atleta.

segunda-feira, 13 de maio de 2019

A proposta é bem tentadora: bastam poucos minutos para ter à disposição um prato de massa. Mas o que muita gente não sabe é que dentro da embalagem se esconde um alimento que é bem prejudicial ao organismo. Para ficar pronta rapidamente, a massa é pré-frita em gordura vegetal. Além disso, o saquinho de tempero vem recheado de sal e realçadores de sabor


O valor calórico médio desse tipo de alimento é 380 calorias. Como a ideia é substituir uma refeição, pode não parecer muito, mas, se pensarmos em hábitos alimentares saudáveis, esse tipo de macarrão não é indicado. Na versão convencional ele é apenas uma mistura de farinha branca e gordura vegetal, o que faz com que seja calórico e desprovido de proteínas, vitaminas, minerais e fibras. Isso sem falar que contém muita gordura saturada, aquela que é prejudicial ao coração

Se compararmos apenas o macarrão instantâneo (sem tempero) com o macarrão com ovos e farinha refinada, o primeiro possui mais que o dobro de calorias e carboidratos, o triplo de gorduras e 300 vezes mais sódio (se computarmos a preparação de ambos sem sal)

Como o macarrão tradicional demora entre 8 e 10 minutos para ficar pronto, será que vale a pena escolher esse tipo para ganhar entre 3 e 7 minutinhos na cozinha?

Se você achar que vale mesmo assim, veja as dicas para usar o macarrão instantâneo da melhor forma possível:

O tempero é uma bomba de sódio e aditivos

Aquele saquinho que vem dentro da embalagem é uma mistura de sal, açúcar e outros compostos para realçar o sabor. Em uma única unidade encontramos mais de 50% das recomendações diárias de sódio. Em excesso essa substância favorece a elevação da pressão arterial, leva à retenção de líquidos, aumenta o cansaço físico e mental, estimula negativamente o sistema imunológico e pode até aumentar o risco de algumas doenças autoimunes


A versão integral é um pouco melhor 
Como ela é feita com uma porção de farinha integral, a massa se torna um pouco mais saudável, mas a quantidade de gorduras e de sódio e substâncias artificiais no tempero se mantêm igual

O mesmo vale para os lights 
Eles apresentam uma quantidade de calorias menor, que é decorrente da redução de gordura na sua composição. Mas a falta de proteínas, vitaminas e minerais e o excesso de sódio continuam presentes

Existem opções assadas
Em algumas versões no mercado, o macarrão é pré-assado e não frito, o que ajuda a melhorar seu valor nutricional. Normalmente essas versões também trazem temperos naturais